A MADONA DO LEITE (oppure LA MADONNA DEL LATTE) (2013)

“O filho que há-de vir não será do meu sangue, não será da minha linhagem biológica. Não pertencerá também à minha linhagem simbólica, porque nem sequer meu filho adoptivo será. De que modo essa criança sem rosto será minha?” [M.G.Llansol, em Finita].

A figura da madona que segura um bebê. Sua roupa paralisa seu corpo, limita o seu movimento. Seu seio está velado, não permite a amamentação. Seu bebê tampouco tem um rosto, uma boca para se alimentar.

[fotoperformance e stop motion, 45". Exposto em "Mostra dos Núcleos de Pesquisa" (2013, Galpão Cine Horto, Belo Horizonte, Brasil)]

Mídia

Galeria de Imagens